3 de jan de 2013

Propostas de Dinamização de Espaços Culturais Recebem Apoio Financeiro do Governo do Estado



Novidade do Fundo de Cultura da Bahia 2013, o edital prevê investimento de até R$ 100 mil em projetos de programação cultural regular em espaços culturais públicos e privados



Criado com o propósito de incentivar a dinâmica e o estabelecimento de uma programação regular nos espaços culturais, a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult/BA) lança, pela primeira vez, o edital Dinamização de Espaços Culturais. Com valor global de R$ 1,5 milhão e teto de R$ 100 mil por proposta, a seleção irá aprovar projetos de espaços culturais, públicos e privados, que envolvam atividades de formação e/ou difusão das diversas expressões culturais por um período mínimo de seis meses e máximo de um ano. “É importante que a programação proposta esteja em consonância às atividades já desenvolvidas pelo espaço”, ressalta Giuliana Kuark,  diretora de Espaços Culturais da Secult/BA.
“Os espaços culturais são locais de produção, difusão e intercâmbio de atividades culturais, sendo estratégicos na garantia da democratização da cultura e do acesso aos direitos culturais. Neste sentido, com o apoio ao desenvolvimento de uma programação regular nos espaços, temos a possibilidade de dinamizar suas atividades, garantir sustentabilidade, além de ampliar o impacto de um espaço junto à comunidade local”, completa Giuliana. As inscrições serão abertas no próximo dia 03 de dezembro e assim permanecerão até 17 de janeiro de 2013.
Este ano, a submissão das propostas para os editais setoriais, além de demanda espontânea, também poderá ser feita através da internet, pelo site www.cultura.ba.gov.br. Outro mecanismo de inscrição é através de Sedex dos Correios ou serviço similar de entrega para o endereço Palácio Rio Branco, Praça Thomé de Souza, s/n – Centro CEP: 40.020-010 – Salvador, Bahia. O envelope deve estar lacrado e identificado com número e nome do Edital (Edital nº 03/ 2012 – Formação e Qualificação em Cultura) e deve conter uma via impressa do formulário de apresentação da proposta, acompanhada de arquivo gravado em CD.
Até o final de dezembro, aproximadamente 150 Oficinas de Orientação à Participação nos Editais do Fundo de Cultura 2013 serão realizadas por todo Estado com o propósito de auxiliar os agentes culturais no processo de elaboração e submissão de projetos.
Fundo de Cultura 2013
O edital Dinamização de Espaços Culturais integra 19 concursos setoriais, além das inscrições de Demanda Espontânea lançados em conjunto pela Secult/BA, através de suas unidades, superintendências e entidades vinculadas – além do CCPI, a Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), Fundação Pedro Calmon (FPC) e Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC).
Os recursos financeiros do Fundo de Cultura da Bahia 2013 (FCBA) somam a quantia de R$ 27,8 milhões, disponibilizados para apoiar projetos das diversas áreas da Cultura em todo o estado, englobando, também, as linguagens artísticas – artes visuais, audiovisual, circo, dança, literatura, música e teatro –, patrimônio, arquitetura e urbanismo, museus, publicação de livros por editoras, restauro e digitalização de arquivos, cultura digital, projetos estratégicos, formação e qualificação, territórios culturais, dinamização de espaços culturais e economia criativa.
Criado em 2005, o FCBA tem o objetivo de incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas com menor apelo comercial. O surgimento dos editais setoriais e temáticos e a simplificação na exigência dos documentos são mudanças trazidas este ano e que buscam diversificar os tipos de projetos apoiados em cada segmento, além de facilitar a apresentação de propostas. Deste modo, os editais do Fundo de Cultura permanecem como um dos principais mecanismos de fomento à Cultura da Bahia.


http://www.cultura.ba.gov.br/2012/12/03/propostas-de-dinamizacao-de-espacos-culturais-recebem-apoio-financeiro-do-governo-do-estado/


Nenhum comentário:

Postar um comentário