27 de out de 2009

RESULTADO do BATE-PAPO FUNCEB


Cerca de 40 pessoas estiveram presentes na reunião de ontem (26/10) no Amélio Amorim para debater a ocupação do Centro de Cultura no retorno da gestão da Fundação Cultural.

Foram expostas pela Diretora de Espaços Culturais, Kátia Najara, as diretrizes que regem os espaços culturais da FUNCEB por toda a Bahia para serem adaptados à realidade de Feira de Santana e anunciadas as mudanças no som e iluminação do Centro de Cultura Amélio Amorim.

Ao iniciar sua fala, Kátia Najara deixou claro o objetivo dos espaços culturais do estado, que é fomentar a produção e criação artístico cultural através destes centros. Em seguida listou uma série das principais diretrizes dos espaços que terão foco em eventos artístico-culturais:


  • Quatro tipos de Pauta: Artístico-culturais, Institucional ou Comercial, Projeto-escola, Ensaios e Oficinas

  • Antecedência de pedido de pauta de 45 dias

  • PROCESSO DE SOLICITAÇÃO DE PAUTA: Envio do ofício (nome do responsável, contatos, teor e alcance da apresentação, data, hora e espaço); Release do espetáculo; Documentos pessoais do responsável (Contatos, RG, CPF, Comprovante de Residência); Envio de Informações com o contrato em 3 vias para Salvador (Fundação Cultural) junto com o parecer do Coordenador do Espaço Cultural

  • O espaço cultural disponibilizará bilheteiro

  • Horário da Casa: estipulado para início de todos os eventos noturnos será a partir das 20 horas - a pontualidade será rigorosa, a casa não admite retardatários, pois atrapalha a concentração dos artistas com iluminação externa vinda das portas, barulho de acomodações, celulares e outros - para a Fundação Cultural o artista está em primeiro lugar.

  • Alimento e bebida serão proibidos na sala de espetáculo para não atrapalhar os artistas

  • Folga técnica: Segunda-feira

  • Horário administrativo: 8h às 12h e 14h às 18:30h

  • As leis que integram as produções artístico-culturais devem ser colocadas em vigor pelos produtores: ECAD (Eventos musicais, 10% da bilheteria com antecedência), SBAT (10 % da arrecadação dos artistas), ISS (2% para apresentações teatrais no município), JUIZADO DE MENORES (alvará de censura para eventos com presença de menores de 16 anos), ACESSIBILIDADE (cadeirante, espaço para cadeiras, poltrona para obesos - 10%), MEIA ENTRADA (Maiores de 60 anos e menores de 18 anos comprovados com documento oficial, estudantes com carteira de estudante ou comprovante de matrícula com RG)

  • TERÇAS, QUARTAS E QUINTAS são os dias da semana reservados para eventos Institucionais

  • Serão disponibilizadas 6 (seis) pautas beneficentes por ano

Ao final do bate-papo foi marcado o 1º Fórum de Gestão Participativa do Centro de Cultura Amélio Amorim - aberto para toda a população interessada -, a ser realizado no dia 04 de Novembro de 2009 (quarta-feira), às 19 horas na sala de ensaio, para debater a questão da utilização deste espaço público para a comunidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário